Wednesday, October 09, 2013


   Articulado e eloquente. Eu sou. Mas quem me vê assim, cantando, nem desconfia que eu vivo à um passo de virar profeta anunciando o fim de tudo, de megafone na boca, sobre um caixote velho, numa praça vazia desolada.
Post a Comment