Sunday, October 23, 2011

Fim de domingo e eu aqui caído exausto. É que as últimas semanas foram emocionalmente fodidas e loucas. Never mind. Eu ando bebendo demais, ando fazendo tudo um pouco demais. Melhor desacelerar. Então. Ontem, da festa do M, eu trouxe a biografia da Patricia Highsmith, Beautiful Shadow, do Andrew Wilson, que só não estou lendo porque o cansaço é enorme. Pena que quando cheguei na festa os livros já tinham quase todos dançado. O M tá voltando pro Brasil e os livros tavam liberados pro roubo. Enfim, tô louco pra começar a ler a PH. Veremos. E hoje baixei naquele antro da minha perdição que é a Fopp, onde se acha os CDs e DVDs mais baratos do planeta, tipo assim uns £3. Não deu pra resistir, apesar da dureza total absoluta. Voltei pra casa com o Ma Mere(que o The Times havia dito ser Powerful, explicit and shocking)do Christophe Honoré com a Isabelle Huppert que eu perdi quando estava nos cinemas, um documentário do Wim Wenders sobre o designer Yohji Yamamoto, chamado Notebooks On Cities And Clothes, de 1989 e a primeira temporada do gostosérrimo Doctor House pra eu rever e rever e rever.
Post a Comment