Sunday, February 23, 2014

    Hoje eu estou me sentindo assim como uma caixa de sapatos vazia jogada num canto qualquer de um armário. E tenho uma "cara de caneca". Não reclamo, melhor esse vazio infinito do que as muitas tristezas que normalmente me habitam. O tédio é confortável, embora não seja morno e aconchegante.
    Mas não consigo me concentrar em nada, não leio os jornais, não vejo filmes, os livros me olham ali de cima da cadeira. Tudo é meio sem sentido ou razão. Domingo de verdade.
Post a Comment