Monday, February 24, 2014


   Eu nascí em 64 e fui adolescente nos fins dos anos 70. Tudo era proibido, tudo era feio, tudo era chumbo. Mas eu olhava pro futuro cheio de ansiedade, esperando o dia, esperando a hora em que todos pudéssemos ser felizes. Eu fazia parte dos malditos silenciosos, dos criminosos, dos invertidos, imorais. A gente se reconhecia no olho, nos medos, a gente lia, ia ao cinema, shows, debates, a gente queria ser feliz e livre.
    Nós sonhávamos um país livre, justo, igualitário e moderno pros que viessem depois de nós.
    Pra tudo acabar nessa caretice tacanha e imbecil que nos assola hoje.
   
Post a Comment