Sunday, November 17, 2013

   Eu sou um ermitão selvagem, trancado aqui na minha caverna com as minhas loucuras, luz baixa, música na vitrola, sou vampiro canibal sugando meu próprio sangue. A grana é nenhuma e a paciência é curta pro mundo lá fora. Eu só gosto de um tipo de gente: Os loucos, perversos, transtornados e famintos.
   Mas ando me expondo, por aí, lugares e pessoas. Coisas de cão no cio. Mas o tesão mora no impossivel, no que está sempre além do alcance.
    Mas é bom sair da ostra assim, mesmo que raramente.
   
Post a Comment