Monday, September 16, 2013

   Eu vou voltar a ser supersticioso, acreditar em santos e milagres, acender velas e incensos, jogar flores no Tâmisa pra Iemanjá, meditar, fazer despachos em encruzilhadas do East End, rezar novenas no silêncio noturno do meu quarto. Vou voltar a acreditar no universo encantado, na força das cores, das energias, confiar nas cartas do tarot, no jogo de buzios, nas bolas de cristal das videntes e cartomantes, nos cristais, nos gnomos, Jesus Cristo, Lord Buddha, Maomé, Jeová. Vou me jogar nos mistérios desse mundo como sedento no deserto, viajar em todos os desconhecidos, fechar os olhos, abrir as mãos. Porque o mundo é nada nada nada. E tudo é inútil.
Post a Comment