Sunday, June 09, 2013

Noite de sonhos complicados, de enredos sinuosos, longos, nebulosos. E acordei me lembrando de tudo, todos os mínimos detalhes. Sonhos esclarecedores, se é que eu acredito neles. Sonhos que resolvem coisas por mim, iluminam zonas cinzentas. Mas ao mesmo tempo confusos. Sonhos que dão trabalho, que precisam ser dissecados, posto sob as lentes de microscópios, digeridos, analizados. Que me deixaram com a sensação de que algumas coisas são profundas demais, escuras, escorregadias, impossíveis. E que elas vão se resolver em um lugar impenetravel, sem a minha interferência, sem as minhas opiniões, sem mim. E eu vou deixar, vou relaxar, quem dera todos os meus dramas se resolvessem assim, enquanto eu durmo.
Post a Comment