Wednesday, May 16, 2012

   Eu ando assim aos bocejos. E não faço as coisas que devo. Nada não, apenas uma fase, depois a gente corre atrás do atraso, que por hora não vai dar mesmo. Portanto se você me ligou, mandou mensagem, psicografou recados, não repare a falta de resposta. É que eu tô de resguardo, ando delicado, frágil. Liga não, eu gosto dos meus amigos pra caralho, não é descaso. Nem consegui me mover e responder pra Madrileña Salerosa, que baixou na city e me acenou com um cházinho no Soho. Desculpa amor.

          *     *     *

   Os jogos olímpicos chegando. E eu cagando. Vai ser mesmo uma puta incoveniência na vida de todo mundo. E a paranóia já começou, tão instalando mísseis no teto de uns prédios aqui pela redondeza pra derrubar terrorista voador. Oremos. E o tal do Estádio Olímpico é muito muito feio.

          *     *     *

   Eu recusei um trampo lá no Mr. K hoje. Não ando me sentindo ótimo. E nem sou obrigado. A grana vai fazer falta, mas que se dane o mundo.

          *     *     *

   O C me liga com uma idéia simplesmente sensacional, estupenda, estraordinária: Um curso de estofamento de cadeiras e sofás na Cornualha em setembro.  Ora, ora, ora. Se eu tiver grana e tempo até lá, é claro que eu me jogo dentro, fofo.
Post a Comment