Tuesday, January 10, 2012

   Que dia dos infernos. No trabalho eu ralei e me irritei e me cansei e me aborreci. Saco! A semana toda anda do caralho. No mau sentido da coisa. E ontem, num outro trampo, perdi a paciência e chamei uma criatura de criatura idiota. Idiota, idiota, idiota. E agora fico aqui me sentindo assim muito idiota, idiota, idiota. Nada não.
   E vou inventar um blog novo, anônimo, pra poder dizer tudo o que realmente me vai pela cabeça, as piores barbaridades. Que ninguém me ouça.
   Vou terminar essa semana de ler a biografia da Patricia Highsmith, louca de pedra, daquelas da minha turma. Pirada.  Tão pirada que tinha centenas de caracóis de estimação e os levava pra festas e coquetéis numa bolsa enorme cheia de alfaces. Tão varrida que ao se mudar pra França, por ser ilegal transportar moluscos, fez várias viagens, de trem, levando dezenas de caracóis escondidos embaixo das tetas. A vida de PH parece foi tão interessante quanto sua literatura, ou até mais, na opinião de alguns. Tumultuada, neurótica, egoista, pão dura, promíscua. Linda, linda, linda. E depois muito feia.

Ps. Caramujos não são caracóis.
Post a Comment