Tuesday, September 04, 2012

   Desde que voltei de férias, o povo por aqui não se cansa de comentar como eu pareço melhor e mais descansado. Eu sempre concordo com um sorriso na cara e digo que foi o clima do Rio, o calor do Arpoador, a brisa de Ipanema. E o carinho dos amigos. E evito mencionar o laser, o ácido retinóico e o botox. Tô fazendo a minha parte pra incrementar o fluxo de ingleses na cidade de São Sebastião.
   Falando nisso, começo a me preocupar com o dia em que a casa cair, o botox vencer e o cansaço e a idade voltarem a estampar minha pele de pêssego. Vou botar a culpa no clima daqui, na escuridão, no cinza e no frio. Repor a bactéria Clostridium botulinum é que eu não posso, que eu sou pobre e ando mais duro que nunca depois que fiz a extrema loucura de pagar meu curso de tradução no último cartão que ainda tinha algum crédito. Vou ter que vigiar até a dieta. Pra me despedir dos tempos bons, ontem eu me entupi de sourdough Bread e salmão defumado. Com o overdraft cheio e os cartões sem crédito sabe-se lá quando vou poder comer esses luxos de novo.
Post a Comment