Tuesday, January 25, 2011

Eu nunca fui cool, minha gente, e nem me preocupei se meus gostos eram muito mainstream ou não. Quem vem do mato tem outras prioridades na vida e outras curiosidades. E um olho que ultrapassa todos esses rótulos e limites. Quem quiser ser cool que o faça e tem todo meu apoio e admiração. Já eu, tenho muito cansaço pra esse tipo de coisa, e não que eu não tenha curiosidade ou seja totalmente desinformado.  É que os bichos do mato nunca saciam sua sede pelas coisas todas desse mundo e tem tanta coisa pra eu aprender e ver na vida, que essas classificações só fazem limitar e reduzir.
Post a Comment