Friday, November 19, 2010

Eu ando com sede de coisas borbulhantes: Champagne, água com gás, elderflower. E preciso parar de correr. Não faz diferença se é terça ou domingo, o importante é que o tempo não pára, a vida não tem intervalo, break, pausa. E eu ainda tenho sede,  a minha alma é um deserto, um Saara.
Post a Comment