Monday, August 02, 2010

Eu detesto falar ao telefone, detesto, acho o telefone uma invenção do rabudo. Só tenho celular por causa do trabalho. Ao telefone eu fico menor, desconfortável, estranho, esquisito. Então eu evito ao máximo, fujo, me recuso, não atendo, desligo. Mas hoje passei horas no celular, um verdadeiro papagaio, embora nem tão completamente relaxado, o que seria pedir demais. Eu não sei o que é isso comigo e telefones, talvez eu os tenha usado demais lá na década de 90 do século passado, talvez eu não me sinta confortável com as pessoas me achando sempre que queiram, talvez seja mais uma das minhas muitas manias e neuroses. Mas hoje bati longos papos, já que o mundo pareceu me descobrir. Até Miss F, lá da Paulo Barreto, me ligou pra botar as fofocas em dia. Não passei a gostar de telefone, mas até que foi bom.
Post a Comment