Monday, January 18, 2010

Só passando pra dar um alô rapidinho, tô exausto mas sem sono e amanhã o dia começa ontem. Básicamente nada pra dizer, mas continuo falando, meio mecânico isso, mas vou fazer o quê? Culpa do café que tomei lá pelas 7. Eu queria ser daquelas pessoas que contam carneiros, que imaginam nuvens, praias desertas. Comigo não funciona assim não, é de outro jeito, a cafeína quica e nem vem que não tem com essa estória de carneirinhos, mané... O Sono,o sono, o sono, adoro até mesmo a simples idéia do sono, aquela nossa pequena morte de todo dia, os sonhos absurdos, aquele certo flutuar sem rumo. Deve ser muito interessante ser um desses médicos que estudam o sono das pessoas. Ponderando o imponderável. E eu aqui, tentando desesperadamente dormir.
Post a Comment